La Cátedra en Vatican Inside

La Cátedra en Vatican Inside

La Cátedra en Vatican Inside

Da Amazônia, um desafio para o futuro

Acordo entre a REPAM e a Cátedra do Diálogo e da Cultura do Encontro vai promover a troca de conhecimento e propor novos espaços de trabalho e compromisso no cuidado da Casa Comum. Serão realizados também documentários sobre o Papa e a América..
 

Cristiane Murray – Cidade do Vaticano

“O diálogo construtivo é fundamental para enfrentar o presente. Entre a indiferença egoísta e o protesto violento, há uma opção sempre possível: o diálogo. O diálogo entre as gerações, o diálogo com o povo, a capacidade de dar e receber, permanecendo abertos à verdade. Quando os líderes dos diferentes setores me pedem um conselho, a minha resposta é sempre a mesma: diálogo, diálogo, diálogo”.

As palavras do Santo Padre na primeira viagem internacional de seu Pontificado, em julho de 2013, no Rio de Janeiro, foram o ‘prefácio’ de seu Magistério e marcam a sua atividade desde então. Apresentaram ao mundo a cultura e o coração de Jorge Mario Bergoglio.

Um ‘grão de areia para construir um encontro genuíno de povos e culturas

Foi assim ele, dois anos mais tarde, definiu a Cátedra do Diálogo e da Cultura do Encontro,criada em Neuquen, a mais importante cidade da Patagônia. Aquela ‘terra de paz’ foi o berço desta rede de instituições públicas e privadas, universidades da Argentina e do exterior, sindicatos e personalidades do mundo acadêmico.

Formar, administrar e transferir conhecimentos dentro da proposta do Papa, isto é, trabalhar por uma Cultura do Encontro através da conscientização, do debate e da proposta sobre os problemas que ameaçam a o atual contexto de conflitos globais: pobreza, tráfico de drogas, tráfico de pessoas, exacerbação do consumismo, crise ambiental e cultura da incerteza.

Isto se faz buscando um ambiente de liberdade fraterna, reconhecendo a diversidade dos povos, propondo espaços de encontro e diálogo. E é neste sentido, o do compromisso e trabalho para o cuidado da Casa Comum e especialmente da Amazônia, que nasceu a colaboração com a REPAM, Rede Eclesial Pan-amazônica.

Distribuir conhecimento e oferecer instrumentos para o diálogo

O Presidente da Cátedra, Prof. Luis Liberman, e o Cardeal Cláudio Hummes, Presidente da REPAM, assinaram um Acordo Marco de Cooperação e Complementação em São Paulo, em outubro passado. Participaram também o Cardeal Pedro Barreto Jimeno e Mauricio López,respectivamente Vice-presidente e Secretário executivo da REPAM.

Concretamente, afirma Liberman ao Vatican News, o Acordo inicialmente visa trabalhar em dois conceitos:

“O primeiro se refere a uma série de documentários sobre o Papa Francisco e a América, enfocando o desafio do futuro que surge da Amazônia. O outro eixo é o desenvolvimento de uma série de ações de conhecimento relacionadas à inovação em questões hídricas para as quais estamos organizando workshops e seminários relacionados aos desafios que surgem da Laudato Si e que requerem atenção e solução”.

Ouça e compartilhe

A associação destes esforços vai desenvolver uma relação de troca de conhecimento, experiências e recursos; serão realizados projetos técnicos, de treinamento cultural, científico e educacional, em para o benefício das comunidades, porque “todo diálogo”, como diz o Papa Francisco, “é um vai e vem de argumentos, escutas, aberturas”.

“ A paz social precisa de justiça social e responsabilidade respeitosa pelas diferenças, uns dos outros. ”

Fuente: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2018-11/repam-catedra-cultura-encontro-amazonia-sinodo.html